Aprovada Redução de IMI na Amadora - sexta-feira, 21 outubro 2016


Ontem, a Assembleia Municipal da Amadora aprovou por maioria a proposta do executivo da autarquia em reduzir a taxa de IMI de 0.36% para 0.35% nos prédios urbanos, enquanto que os prédios rústicos têm a taxa fixa de 0.8%.

Quanto aos outros impostos, a Câmara Municipal mantém a taxa reduzida de 3,8% de participação no IRS. A autarquia devolve, assim, cerca de 2,1 milhões de euros às famílias pela não adopção da taxa máxima, de 5%, na participação do IRS.
No que diz respeito à Derrama, as taxas mantêm-se: as empresas que apresentem um volume de negócios inferiores a 150 mil euros estão isentas deste imposto. Para os restantes, com um volume de negócios superior aos 150 mil euros, a derrama situa-se nos 1,5%. 

Segundo a informação divulgada pela autarquia, esta redução da taxa de IMI, significa, em média, uma poupança anual de 142 euros por família. 

Na Área Metropolitana de Lisboa, a  Amadora continua a ser um dos municípios com menor taxa de IMI.